Índia: levante agrícola contra o regime de Modi


A luta dos agricultores indianos entrou em uma nova fase em 26 de janeiro, quando, após romperem as barricadas da polícia ultrapassarem todos os obstáculos, conseguiram entrar no Forte Vermelho e agitarem ali suas bandeiras sindicais. O Forte Vermelho é uma relíquia da era Mughal, considerada um símbolo de poder na Índia. Todos os anos, no Dia da “Independência” (15 de agosto), o primeiro-ministro indiano levanta a bandeira nacional indiana e faz um discurso em suas muralhas. Este ano, no Dia da República, o mundo viu um cenário diferente. O centro de Dehli se tornou um campo de batalha entre agricultores e as forças de segurança. Alguns confrontos violentos também foram observados, deixando uma pessoa morta e muitos feridos. Devido a esses confrontos, os agricultores indianos cancelaram uma marcha ao parlamento em 1º de fevereiro e os líderes também condenaram a violência. Ao falar com o The Guardian, um agricultor disse: “Temos protestado nos últimos seis meses, mas o governo não se preocupou em nos ouvir, nossos ancestrais atacaram este forte várias vezes na história. Foi uma mensagem ao governo de que podemos fazer de novo e muito mais, caso as nossas reivindicações não sejam atendidas”.


Posted On :